Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Setembro, 2011

Hein?

Duvido
Que me tires do ouvido
Que te percas do sonido
Que freqüente sou pulsar

Rugido
Do teu mundo tão sumido
Que pra longe foi movido
Pra poder comigo estar

Sofrido
Faço-te em meu gemido
Em meu alto som, perdido
À tua mente penetrar

Ferido
Eu te deixo, bem devido
Escutando, meu zunido
Pois não sabes moderar